Dieta low carb funciona? Descubra aqui!

Quem está em busca de emagrecimento e de alcançar o corpo dos sonhos, frequentemente se depara com uma série de estratégias alimentares ou dietas que prometem ajudar a conquistar o objetivo.

No entanto, sabemos que as dietas não funcionam da mesma forma para todos e, por isso, precisamos nos informar bastante e procurar orientação profissional para entender melhor os processos pelos quais passa o nosso corpo

Uma dessas estratégias é a dieta low carb. Você sabe do que se trata? Não se preocupe! No artigo de hoje vamos explicar o que é essa dieta, como funciona, quais os benefícios e os possíveis riscos e, ainda, apresentar uma série de alimentos que são permitidos e aqueles não indicados. Tudo pronto? Vamos lá!

O que é dieta low carb?

A dieta low carb, a de baixo carboidrato, recebe esse nome por reduzir a ingestão desse macronutriente no dia a dia. O carboidrato é responsável por fornecer energia para o nosso corpo realizar as atividades ao longo do dia e ajudar na regulação de alguns hormônios.

Basicamente, os carboidratos são divididos em dois grupos: simples e complexos. Os carboidratos simples são encontrados em doces, farinha e massas em geral. Por terem absorção rápida no organismo causam uma alteração imediata nos níveis de glicose no sangue, fazendo o corpo acumular gordura no fígado e músculos. Já os complexos são encontrados em produtos integrais, legumes e grãos. Por terem absorção mais lenta, controlam a glicemia corporal e garantem maior saciedade.

Com isso, na dieta low carb, não há a eliminação desse nutriente da alimentação, mas uma redução, dando preferência aos carboidratos complexos. Além disso, nessa estratégia alimentar, o restante da necessidade calórica do dia deve ser composto por maior quantidade de proteínas, sobretudo de origem animal, e por gorduras de origem boa.

Confira no item a seguir os alimentos indicados e os que são vetados para quem deseja aderir a essa dieta.

Como é a relação com os alimentos?

Para entender melhor como fazer uma dieta low carb, é indispensável procurar orientação profissional porque, devido à nossa individualidade biológica, cada pessoa reage de um jeito aos planos alimentares. Sendo assim, conheça os alimentos que não podem faltar na sua rotina e aqueles que você deve reduzir do seu cardápio!

Alimentos permitidos na dieta

Verduras e legumes

As verduras e legumes são ótimas fontes de carboidratos complexos e fibras, que ajudam no bom funcionamento do intestino. Mas, para não errar na escolha, aposte em legumes como batata-doce, tomate, abobrinha, entre outros pobres em calorias, e verduras em geral.

Frutas

Algumas frutas, como abacate, morango, pêssego e coco, além de terem diversas vitaminas, são pobres em calorias e ainda diminuem a compulsão por doces. Ou seja, são ótimas escolhas!

Proteínas

As proteínas cumprem diversas funções metabólicas vitais para o corpo humano, como a composição dos músculos e a formação de colágeno, além de atuar diretamente em funções estruturais e motoras. Na dieta low carb, o ideal é optar por proteínas mais magras, como carne de frango, peixes, patinho, ovos e lacticínios, sobretudo queijos amarelos.

banner clínica integrada de cirurgia plástica

Gorduras

Nem todas as gorduras são prejudiciais à saúde. Quando de origem boa, atuam na saciedade e podem reduzir os níveis do colesterol LDL (mau) e aumentar o LDL (bom), reduzindo o risco de complicações cardiovasculares. São exemplos de gorduras benéficas: azeite, óleo de coco, castanhas de todo tipo e abacate.

Alimentos que devem ser evitados

Açúcar e farinha branca

Os alimentos ricos em açúcar e em farinha branca devem ser evitados ao máximo por qualquer pessoa, principalmente quando está em dieta com restrição de carboidrato. Essas comidas em excesso podem levar a doenças como diabetes e até obesidade. Ou seja, fuja de doces, refrigerantes, sorvetes, bolos açucarados e biscoitos.

Embutidos

Os alimentos embutidos, como presunto, calabresa, linguiças em geral ou mortadela, além de muito processados, são ricos em derivados do sódio, que aumentam a retenção de líquido, e, consequentemente, o peso, podendo também levar a quadros de hipertensão.

Produtos industrializados em geral

Os produtos muito industrializados têm na composição, além de açúcar e sódio, uma imensa lista de conservantes e realçadores de sabor que também não são benéficos para o corpo.

Alimentos gordurosos

Apesar de nem toda gordura ser prejudicial, é preciso ficar atento a produtos que contenham gordura hidrogenada ou saturada como ingredientes porque, em exagero, esse nutriente pode se acumular debaixo da pele e gerar o excesso de peso.

Quais os benefícios da restrição dos carboidratos?

Graças à menor ingestão dos produtos industrializados, ricos em sódio, gordura ou açúcar, e também por aumentar a sensação de saciedade, a dieta low carb ajuda no processo de emagrecimento, principalmente quando aliada à prática de atividades físicas.

Além disso, essa forma de se alimentar também pode ajudar na qualidade do sono, atuar no controle dos triglicerídeos, diabetes, colesterol, melhorando o funcionamento intestinal, devido à maior ingestão de alimentos que contêm fibras.

Quais os riscos de aderir à dieta?

Dietas muito restritivas em geral, no início, podem desencadear algum tipo de mal-estar relacionado à compulsão por alimentos. Se feita de maneira incorreta, a dieta com baixa quantidade de carboidrato pode diminuir a taxa de metabolismo basal, que é a quantidade de alimentos que o corpo precisa para sobreviver sem atividade física, o que pode dificultar a perda de peso no futuro, caso interrompa o plano.

Pela alta ingestão de proteínas, essa dieta pode prejudicar o funcionamento dos rins e ainda causar distúrbios no corpo em geral, devido ao acúmulo de substâncias tóxicas. Sintomas como grande irritabilidade, indisposição, alterações intestinais e até mau hálito podem aparecer com a diminuição de carboidrato na alimentação. Pessoas com problemas renais, cardíacas ou alterações hepáticas não devem seguir esse tipo de dieta.

Com tudo isso, é possível perceber que a dieta low carb é uma alternativa para quem busca emagrecimento. No entanto, assim como toda dieta, se você não seguir com uma rotina saudável e alimentação balanceada, possivelmente retomará o peso perdido. Lembre-se de que qualquer estratégia alimentar deve ser acompanhada de perto por um profissional responsável.

E aí, o que achou deste conteúdo? Agora, que você já sabe um pouco mais sobre a dieta low carb, conte aos seus amigos compartilhando em suas redes sociais!

A realização de cirurgias plásticas está cada vez mais comum, segura e acessível. Por essa razão, cada vez mais pessoas recorrem a um cirurgião plástico para melhorar aspectos que não estão agradando em seus corpos.
Dr. Lecy Marcondes

DR. Lecy Marcondes

Dr Lecy Marcondes Cabral, Mestre em Cirurgia Plástica pela Escola Paulista de Medicina - UNIFESP, Fellow do Colégio Internacional de Cirurgiões, 35 anos de profissão, graduou-se, em 1982, em medicina pela Faculdade de Medicina de Pouso Alegre, em Minas Gerais:

  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  • Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões.
  • Integra o Corpo Clínico do Hospital e Maternidade São Luiz e do Hospital Israelita Albert Einstein.
  • Pesquisador na área de Cirurgia Plástica
  • Premiado nos Fóruns de Pesquisa do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  • Autor de capítulos de livros publicados nas áreas de cirurgia e cirurgia plástica.
  • Diretor e Responsável da Clínica Integrada de Cirurgia Plástica São Paulo.

0 Comentários

  1. Avatar
    Patricia Camargosays:

    Muito bom este artigo e esclarecedor!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"

Open chat