6 dicas para diminuir o culote e acabar com essa gordurinha

Diminuir o culote não é fácil, não é mesmo? O culote é aquela porção de gordura que insiste em ficar localizada na lateral do quadril, na parte superior das coxas e abaixo dos glúteos. Ele acaba causando incômodo por aumentar o volume corporal, dificultando na hora de encontrar roupas e até mesmo na autoestima feminina. 

O surgimento dessa porção de gordura pode estar relacionada à fatores hormonais, genéticos, nutricionais ou metabólicos. Infelizmente, reduzir o culote e acabar de vez com essa gordurinha localizada não é fácil.

Se o seu culote está incomodando e você está em busca de soluções para se sentir bem com o seu corpo, esse artigo é para você!

Vamos sugerir 6 alternativas para reduzir o culote que vão desde de mudanças de hábitos até tratamentos estéticos e plásticos. Ficou interessada? Leia esse artigo até o final e saiba quais são!

1. Exercícios localizados

Que os exercícios com cargas, também chamados de musculação, são benéficos para saúde e para o corpo não há dúvidas. Graças a essa atividade, ocorre um aumento na quantidade de músculos, redução da gordura corporal e melhora no condicionamento físico geral. O mais importante é que a musculação também leva a um aumento do metabolismo, exigindo que o corpo queime mais calorias.

A boa notícia é que a musculação também pode ser uma aliada na hora de diminuir o culote. No entanto, para que você tenha o resultado que tanto quer, é preciso apostar nos exercícios localizados, ou seja, aqueles que trabalham exatamente a região do culote.

Os exercícios localizados vão estimular a produção de células musculares na região e a queima de gordura, reduzindo o volume da circunferência do quadril e garantindo mais firmeza na área.

Alguns exemplos de exercícios localizados são:

  • agachamento;
  • afundo;
  • cadeira abdutora;
  • e o glúteo em quatro apoios.

Antes de praticar qualquer atividade física, lembre-se de procurar um professor de educação física para lhe orientar e garantir que você não se machuque, ok?

2. Alimentação equilibrada

Outra medida que deve ser associado à prática de atividade física é a alimentação equilibrada. Uma dieta irregular e repleta de produtos gordurosos ou com muito carboidrato pode contribuir para o surgimento do culote.

Para diminuir a gordura localizada no quadril, é preciso apostar em uma dieta equilibrada e saudável, elaborado por nutricionista de acordo com o seu metabolismo e as exigências do seu corpo.

De uma forma geral, quem deseja diminuir o culote deve evitar alimentos ricos em açúcares e conservantes, muito gordurosos ou mesmo o consumo excessivo de carboidratos refinados, como pães de farinha branca, biscoito e bolos.

O ideal é equilibrar a quantidade de proteína magra (com pouca gordura aparente, como peito de frango, patinho, peixes e ovos),  com os carboidratos integrais e gorduras de boa qualidade (castanhas, azeite, abacate etc). Não se esqueça das frutas e verduras, já que elas garantem a quantidade de vitamina que o corpo necessita.

3. Atividades aeróbicas

Além dos exercícios localizados, uma boa forma de diminuir o culote é fazer atividades aeróbicas. Ela utiliza a gordura do corpo como fonte de energia e acelera o metabolismo, aumentando a queima calórica.

banner clínica integrada de cirurgia plásticaPowered by Rock Convert

Alguns exercícios podem ser incluídos na sua rotina como corridas, bicicleta (tanto na rua quanto indoor) e também atividades de alta intensidade intervalada  (também chamadas de HIIT), que promovem uma grande queima calórica ao mesmo tempo que estimulam o ganho muscular na região.

Lembre-se de consultar um médico e fazer uma avaliação física para atestar se você está em condições de praticar exercícios aeróbicos.

4. Massagem redutora para diminuir o culote

A massagem redutora, feita a partir da drenagem linfática, é uma ótima opção para reduzir a gordura localizada no quadril.

Essa técnica ajuda o corpo a eliminar as toxinas e líquidos que ficam acumulados entre os tecidos. Para isso, a profissional realiza movimentos suaves com as mãos sobre a pele, forçando a quebra da gordura.

Por essa razão, a drenagem linfática também pode ser utilizada para reduzir o volume o culote. Para ter resultados mais satisfatórios, o ideal é fazer um tratamento contínuo e associar a outros procedimentos e à atividade física.

5. Radiofrequência

O tratamento com radiofrequência consiste na aplicação de uma técnica em que é gerado um calor intenso que, em contato com a pele, atua no adipócito (célula de gordura), queimando a gordura localizada.

A radiofrequência se tornou um dos mais populares tratamentos estéticos para diminuir o culote. Para ter melhores resultados, são necessárias entre 4 a 12 sessões, dependendo do corpo da paciente. Isso porque os resultados da queima vai aparecendo lentamente.

6. Lipoaspiração

Em alguns casos, mesmo quando a paciente pratica uma atividade física regular, cuida da alimentação e faz alguns procedimentos estéticos, a gordurinha do culote teima em não sair. Quando isso acontece e a pessoa se sente incomodada, o mais recomendado é passar por uma cirurgia de lipoaspiração.

A lipoaspiração consiste em uma cirurgia plástica em que a gordura localizada é aspirada por pequenas incisões com o auxílio de cânulas de metal.

Esse tipo de procedimento deve ser feito em pessoas que estão próximas do peso ideal, mas que estão insatisfeitas com o seu contorno corporal.

A lipoaspiração também só deve ser realizada por um cirurgião plástico credenciado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Para se submeter ao procedimento, o paciente deve passar por uma avaliação de saúde.

Depois de optar pelo tratamento, são tomados alguns cuidados pré operatórios. Na data da cirurgia, o paciente é internado. O pós-operatório exige repouso, um acompanhamento médico de perto, o uso de medicamentos recomendados pelo cirurgião e algumas sessões de drenagem linfática. Logo, a paciente vai observar o resultado final e ficar satisfeita.

A Clínica Integrada de Cirurgia Plástica de São Paulo oferece toda estrutura necessária para a realização da cirurgia de lipoaspiração, além de contar com uma equipe completa altamente qualificada para dar o suporte e os cuidados que você precisa.

E aí, o que você achou dessas dicas para diminuir o culote? Lembre-se que antes de tomar qualquer decisão é importante procurar por profissionais credenciados e fazer uma avaliação completa de saúde que indicará qual o melhor caminho para conquistar o corpo dos sonhos.

Se você ainda tem dúvidas ou quer saber mais sobre a lipoaspiração, entre em contato conosco!

A realização de cirurgias plásticas está cada vez mais comum, segura e acessível. Por essa razão, cada vez mais pessoas recorrem a um cirurgião plástico para melhorar aspectos que não estão agradando em seus corpos.Powered by Rock Convert
Dr. Lecy Marcondes

DR. Lecy Marcondes

Dr Lecy Marcondes Cabral, Mestre em Cirurgia Plástica pela Escola Paulista de Medicina - UNIFESP, Fellow do Colégio Internacional de Cirurgiões, 35 anos de profissão, graduou-se, em 1982, em medicina pela Faculdade de Medicina de Pouso Alegre, em Minas Gerais:

  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  • Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões.
  • Integra o Corpo Clínico do Hospital e Maternidade São Luiz e do Hospital Israelita Albert Einstein.
  • Pesquisador na área de Cirurgia Plástica
  • Premiado nos Fóruns de Pesquisa do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  • Autor de capítulos de livros publicados nas áreas de cirurgia e cirurgia plástica.
  • Diretor e Responsável da Clínica Integrada de Cirurgia Plástica São Paulo.

2 Comentários

  1. Avatar
    Richelesays:

    Bom dia Dr.lecy
    Meu nome é Richele sou paciente pôs bariátrica é preciso fazer três procedimentos:
    Braço,costas e maxto e se possível lipoescultura.
    Gostaria de saber média de valores à vista.
    Aguardo seu retorno,sou de Bh

    • Dr. Lecy Marcondes
      Dr. Lecy Marcondessays:

      Bom dia Richele, tudo bem?
      São normas do Conselho Federal de Medicina, não podemos informar valores assim sem uma pré-avaliação em consulta.
      Agende seu horário na clínica.
      Telefone: 11 3040 2380
      Um abraço!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"

Navegação