Insatisfeita com as gordurinhas? Veja como a hidrolipo é uma opção!

A gordura localizada pode incomodar diversas mulheres. Assim, muitas delas resolvem fazer exercícios físicos ou procedimentos estéticos para acabar com esse problema.

Desse modo, um método que tem sido procurado pela sua eficiência e rapidez é a hidrolipo. Trata-se de uma cirurgia plástica que é indicada para a remoção da gordura localizada, realizada com cirurgia local e com a pessoa acordada durante todo o processo.

Esse tipo de procedimento é indicado quando é necessário remodelar o contorno do corpo e não para o tratamento da obesidade, podendo ser feito em todas as áreas que tenham gordura localizada.

Neste post, vamos mostrar como funciona a hidrolipo e as suas diferenças para a lipoaspiração. Confira!

Qual a diferença entre lipoaspiração e hidrolipo?

A hidrolipo é uma lipoaspiração para pequenos depósitos de gordura, feita em uma clínica ou em um consultório, apenas com anestesia local e sem que a pessoa seja submetida à sedação. Assim, a paciente fica acordada o tempo todo. O procedimento dura cerca de 2 horas e a alta é dada no mesmo dia.

Já na lipoaspiração, o procedimento é feito em um ambiente hospitalar. O anestésico é geral e a recuperação é mais longa, sendo preciso tirar um período de afastamento do trabalho. Como, na hidrolipo, a técnica é local e sem sedação venosa, é possível acompanhar toda a cirurgia e ainda conversar com o médico enquanto a gordura é retirada.

É importante lembrar que a hidrolipo é recomendada para pessoas que já tentaram eliminar os depósitos de gordura por meio de exercícios e dietas, mas não se livraram do excesso em culotes e papadas, por exemplo.

Embora a cirurgia pareça mais simples por poder ser feita em clínicas ou consultórios, ela apresenta uma limitação importante: a anestesia local é mais tóxica do que a anestesia geral, por isso, deve ser utilizada em quantidades menores. Consequentemente, a hidrolipo só pode ser realizada em pequenos depósitos de gordura, de maneira a não ultrapassar o limite seguro de anestésico em relação ao peso corporal.

Portanto, combinar muitas áreas no mesmo método pode ser perigoso. Por outro lado, a lipoaspiração pode ser feita em todo o corpo e em grandes depósitos de gordura, pois a anestesia geral é aplicada em uma quantidade maior sem que ofereça riscos tão elevados quanto a anestesia local.

Para quem a hidrolipo é indicada?

Devido às suas características, a técnica é indicada para pessoas com gordura localizada em regiões pequenas, como flancos, joelho, culote, papada, axilas, entre outras. Não é recomendado realizar várias hidrolipos no corpo mesmo em ocasiões diferentes, pois as chances de infecção podem aumentar, já que o organismo será exposto ao meio externo mais de uma vez.

O procedimento não é um método de emagrecimento, mas, sim, uma cirurgia que melhora os contornos corporais. Por isso, a hidrolipo é ideal para pessoas que estão em uma faixa de peso saudável ou um pouco acima dela.

banner clínica integrada de cirurgia plásticaPowered by Rock Convert

Os resultados são melhores em pacientes com pele elástica e firme, com nenhuma ou pouca flacidez, bom estado de saúde, que tenham uma alimentação saudável e que pratiquem atividades físicas.

Como o procedimento é feito?

Para realizar a cirurgia, é preciso aplicar uma anestesia local sem sedação no lugar em que a gordura será retirada. Em seguida, um pequeno corte é feito em uma área próxima, no qual serão introduzidos tubos metálicos, também chamados de cânulas, conectados a seringas ou a um aparelho a vácuo.

Após isso, o cirurgião usa soro fisiológico para que as células de gordura aumentem de tamanho. Assim, um ultrassom é feito na região para que as ondas rompam as células gordurosas, fazendo com que se tornem líquidas, o que facilita a retirada da gordura por meio das cânulas.

É importante lembrar que o anestésico local não é efetivo em áreas de gordura subcutânea. Portanto, a cirurgia é mais rápida, e apenas pequenos depósitos de gordura são retirados.

A quantidade de gordura média que é removida em uma hidrolipo é de 300 ml. Já na lipoaspiração, em que a anestesia é geral, a cirurgia é mais longa, durando cerca de 5 horas.

Quais são os benefícios da cirurgia?

A hidrolipo apresenta diversas vantagens em relação à lipoaspiração. Dentre elas, podemos destacar:

  • trauma local mínimo;
  • desnecessidade de ficar internada no hospital;
  • custo menor;
  • menos dor;
  • utilização de anestesia local apenas;
  • desnecessidade de se afastar das atividades profissionais ou sociais.

Como é o pós-operatório?

Por ser um procedimento de menor porte que a lipoaspiração convencional, a hidrolipo apresenta uma recuperação mais rápida. Dependendo da situação, é preciso se afastar do trabalho por um curto período de tempo (cerca de 3 dias), e as manchas roxas ou o inchaço decorrente da cirurgia tendem a desaparecer rapidamente.

A alimentação deve ser leve, e os alimentos, ricos em água e proteínas, como peixes e ovos. Assim como na lipoaspiração, a pessoa precisa usar uma cinta compressiva por, no mínimo, 30 dias, fazendo com que o inchaço presente no pós-cirúrgico diminua.

Além disso, é recomendado que seja feita uma drenagem linfática para auxiliar na eliminação das gorduras que ficam retidas nas células. É importante evitar tomar sol por um período de um mês, ou até que as manchas desapareçam. Logo após a redução do inchaço pós-cirúrgico, os resultados já são possíveis de serem percebidos. Isso costuma ocorrer cerca de 30 dias após a cirurgia, e os resultados definitivos são vistos após 4 meses.

Qual o preço médio da cirurgia?

Uma hidrolipo custa entre R$ 1.500 e R$ 5.000, dependendo do local em que a cirurgia será feita e do médico que realizará o procedimento. Também é preciso somar esse valor aos custos da anestesia, da internação hospitalar e das despesas com o cirurgião plástico.

Como vimos, a hidrolipo é um procedimento que tem por objetivo retirar pequenos depósitos de gordura localizada e apresenta diversos benefícios, como custo menor, trauma local mínimo, menos dor, entre outros. Por isso, se você ficou interessada e deseja realizar a cirurgia, não deixe de procurar uma clínica especializada e um profissional capacitado e de qualidade para não haver complicações.

Gostou deste post e quer conhecer a nossa clínica e os procedimentos realizados? Então, confira o nosso site e fique por dentro da Clínica Integrada de Cirurgia Plástica São Paulo!

A realização de cirurgias plásticas está cada vez mais comum, segura e acessível. Por essa razão, cada vez mais pessoas recorrem a um cirurgião plástico para melhorar aspectos que não estão agradando em seus corpos.Powered by Rock Convert
Dr. Lecy Marcondes

DR. Lecy Marcondes

Dr Lecy Marcondes Cabral, Mestre em Cirurgia Plástica pela Escola Paulista de Medicina - UNIFESP, Fellow do Colégio Internacional de Cirurgiões, 35 anos de profissão, graduou-se, em 1982, em medicina pela Faculdade de Medicina de Pouso Alegre, em Minas Gerais:

  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  • Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões.
  • Integra o Corpo Clínico do Hospital e Maternidade São Luiz e do Hospital Israelita Albert Einstein.
  • Pesquisador na área de Cirurgia Plástica
  • Premiado nos Fóruns de Pesquisa do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  • Autor de capítulos de livros publicados nas áreas de cirurgia e cirurgia plástica.
  • Diretor e Responsável da Clínica Integrada de Cirurgia Plástica São Paulo.

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"

Navegação